11.8.08

Partindo de um material desenvolvido por pesquisadores japoneses, engenheiros holandeses estão a criar a primeira "estrada verde", capaz de eliminar da atmosfera a poluição emitida pelos veículos que nela se movimentam.


Uma pequena estrada na cidade de Hengelo, Holanda, será pavimentada com um cimento especial contendo um aditivo capaz de capturar partículas de óxidos de nitrogénio emitidas pelos escapes dos veículos.

 

Mais conhecidos pela sigla NOx, os óxidos de nitrogénio estão entre os piores gases poluentes emitidos na atmosfera, sendo os principais responsáveis pela chamada chuva ácida.

O cimento purificador de ar recebe na sua fórmula um aditivo à base de dióxido de titânio. Quando exposto à luz do Sol, o material reage com os óxidos de nitrogénio, transformando-os em nitratos, que são inofensivos ao meio ambiente. Basta uma chuva para que todo o pó inerte seja lavado e a estrada fique limpa de novo.

 

A estrada de Hengelo foi escolhida porque está sendo reconstruída e por causa da excelente qualidade do ar da região, que permitirá um acompanhamento preciso dos resultados obtidos com a pavimentação capaz de eliminar a poluição do ar. As obras deverão terminar até o final de 2008.

(fonte)


27.7.08

 

 

"O tão ansiado desenvolvimento do distrito de Vila Real, com a construção de auto-estradas, parques eólicos e barragens, vai colidir directamente com o lobo ibérico colocando em causa a sua sobrevivência neste território, alertou hoje o Grupo Lobo.

 

As alterações no habitat destes animais são tão «grandes» que podem mesmo, segundo a bióloga Ana Margarida Guerra, levar à extinção do lobo na área do distrito de Vila Real. «Nestes últimos anos registou-se um decréscimo da população e, actualmente, pensamos que haverá menos de 90 lobos neste território», referiu a investigadora.

 

Para que a sobrevivência da espécie seja assegurada, o Grupo Lobo defende a integração desta área num Plano Nacional de Acção para o Lobo, «há muitos anos previsto e nunca implementado»."

 

(Ler noticia completa)

 

Fonte: IOL Diário

Link do postPor Daniela, às 21:04  Comentar

26.5.08

 A associação ambientalista Quercus classificou hoje como uma desilusão a meta traçada pelos países mais industrializados do mundo de reduzirem as emissões poluentes para metade até 2050, considerando que o importante era ter definido uma meta para 2020.

 

"A meta para 2050 deveria estar entre os 60 e os 80 por cento de redução de emissões de gases com efeito de estufa relativamente aos valores de 1990. Cinquenta por cento de redução fica aquém das expectativas", comentou à agência Lusa Francisco Ferreira, dirigente da Quercus.

Fonte: Agência Lusa 

 

Link do postPor AndréV, às 10:41  Comentar

4.4.08



A organização internacional de conservação da natureza WWF e o Benfica decidiram organizar uma «acção de alerta» para o risco de extinção da Águia Imperial em Portugal criando o Dia da Águia, que vai ser celebrado no próximo jogo Benfica-Académica no dia 11 de Abril, informa a agência Lusa.


A Águia Imperial é uma ave de grandes dimensões que se encontra criticamente em perigo, uma vez que nidifica apenas na Península Ibérica. Os habitats principais desta ave são os montados de azinho e sobro, as áreas de pasto ou cereal e zonas de mato. A diminuição da sua presa principal, o coelho, e a fragmentação do seu habitat preferencial são factores de risco.


Link do postPor Daniela, às 19:25  Comentar

2.4.08

 

É cada vez mais difícil para os biocombustíveis andarem com a etiqueta de fonte de energia ecológica. A culpa, segundo escreve o El País, é do crescente número de especialistas, investigadores e ecologistas que questionam a sua capacidade para reduzir as emissões de dióxido de carbono e falam dos efeitos de desflorestação e do aumento das desigualdades que podem causar.  

 

Pela segunda vez este ano, a Comissão Europeia teve que defender a sua progressiva incorporação no transporte rodoviário, perante as duras críticas do Reino Unido.

Robert Watson, assessor do meio ambiente do primeiro-ministro Gordon Brown, recomendou ao Governo britânico que estabeleça uma moratória na aplicação de quotas estabelecidas pela UE e questionou seriamente a contribuição dos biocombustíveis na redução das emissões de dióxido de carbono (CO2).

 

«Pensamos que é razoável e até modesto aspirar a que em 2020 dez por cento da energia para o transporte provenha de biocarburantes, há que pensar que a alternativa é o petróleo». Ferran Tarradellas, porta-voz do comissário da Energia, Andris Pieblags, mostrava assim a firme decisão de manter os objectivos.

Fonte: Portugal Diário

 


 

Eu já há algum que desconfiava que o biocombustível não era solução, não só pela desflorestação como pelas culturas intensivas que se teriam que fazer. Outro facto é que isso talvez ainda agravaria a fome nos países desfarecidos.





Portugal já recolhe a quase totalidade dos seus pneus usados. Em 2007 o País recolheu cerca de 98,5 por cento destes resíduos, um valor acima da média europeia, que se situa nos 87 por cento. Os dados foram apresentados por Climénia Silva, directora-geral da Valorpneu, na 2ª Conferência de Resíduos, organizada pelo jornal Água&Ambiente. Enquanto a média de deposição em aterro deste resíduo nos países da Europa é de 13 por cento, no nosso País já é de zero por cento, acrescentou.


Foram ainda recauchutados 27,1 por cento dos pneus usados, e reciclados 65,6 por cento. Também em 2007 a Valorpneu viu crescer os contratos com os produtores em 16 por cento, totalizando 691 contratos. Todos os recauchutadores existentes em Portugal, 33 no total, estão dentro do sistema, dos quais 18 aderiram no ano passado.

Entre 2003 e 2007 a entidade gestora já recolheu 428 mil toneladas de pneus, o equivalente a cerca de 35 milhões de unidades. No ano passado, dos 93 747 pneus usados foram recolhidos 92 322, tendo sido colocados no mercado 83 772 unidades. Esta diferença deve-se, segundo Climénia Silva, aos pneus recauchutados que voltam a ser recolhidos, e aos pneus recolhidos que ficam fora do universo dos produtores aderentes.

Sofia Vasconcelos in Ambiente Online
Link do postPor Marta Santos, às 20:33  Ver comentários (1) Comentar

24.3.08

  

 

   No âmbito das iniciativas ligadas à reciclagem de resíduos, a Quercus apresentou, na semana passada, o programa “Green Cork”, que visa a reciclagem de rolhas de cortiça. Estas serão trituradas e aproveitadas para o fabrico de outros produtos aglomerados (isolamentos, juntas de dilatação, pavimentos ou revestimentos) e os proveitos económicos que resultarem desta actividade serão usados para financiar o programa “Criar Bosques, Conservar a Biodiversidade”.

 

   Concebido pela Quercus, o programa “Green Cork” é desenvolvido em parceria com a Corticeira Amorim, a Biological e os hipermercados Continente. A iniciativa pretende atingir uma taxa de 30 por cento de reciclagem de rolhas de cortiça no prazo de 4 anos, contribuir para a sustentabilidade do sobreiro e, ainda, sensibilizar as pessoas para as vantagens ambientais dos produtos de cortiça.
   As rolhas recolhidas serão vendidas à Corticeira Amorim, que as reutilizará para a fabricação de outros produtos. Antes disso, o Continente e a Biological desempenharão um papel importante na sua recolha.
Link do postPor AndréV, às 15:25  Comentar

11.1.08
Link do postPor Marta Santos, às 13:23  Ver comentários (18) Comentar



As famílias da região oeste vão poder, a partir de agora, reciclar restos e outros resíduos biodegradáveis, como aparas de jardim. A Resioeste vai distribuir 3250 compostores domésticos, possibilitando a transformação desses resíduos em adubo orgânico, através do processo da compostagem.

A iniciativa, inserida no projecto «Compostar, outra forma de Reciclar», tem a missão de cumprir o objectivo de colocar em aterro até cerca de 40 por cento dos resíduos biodegradáveis urbanos produzidos na região.

É no âmbito desta acção que a Resioeste vai inaugurar amanhã o «Quintal do Raposinho», um centro pedagógico de compostagem que ficará instalado no centro de tratamento de resíduos do oeste. Neste espaço «grupos escolares e público em geral poderão aprender a contribuir para a protecção do ambiente com pequenos gestos do dia-a-dia», salienta a Resioeste em comunicado.

fonte: Portal Ambiente Online
Link do postPor Marta Santos, às 13:20  Ver comentários (2) Comentar


Olá a todos! Aqui está um novo blog "verde" por sinal, aqui ficarão registados pequenos apontamentos acerca do nosso mundo natural, ecologia, ambiente, entre outros... O objectivo? Aprendermos todos um pouco mais. Esperemos que gostem!
Pesquisar no Verde
 
Maio 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


Semana no Verde

2ª feira - Fauna & Flora
ver
3ª - Locais Verdes
ver
4ª - Conselhos Verdes
ver
5ª feira - Imagem Verde da Semana
ver
6ª feira - Blog/Associação Verde da Semana
ver
www.greenpeace.pt
Contactar o Verde
Se tiver algo a dizer sobre o Verde, não hesite em contactar-lo. A sua opinião será sempre útil e bem vinda. Os contactos são: daniela_urbano1@hotmail.com andre.f.veiga@gmail.com
Comentários Recentes
Obliglado devem ser estabelecidas regras têm siste...
Se ao invés disso eles eram animais que serão bloq...
Olá, parabéns pelo blog!Conte conosco para dicas e...
Posts mais Comentados
blogs SAPO